O mistério do Cinco Estrelas (Marcos Rey)

Capa 1 (1981-1987)
Capa criada por Jayme Leão (ilustração) e Ary Almeida Normanha (layout) para o livro O mistério do Cinco Estrelas, do escritor brasileiro Marcos Rey (1925-1999), publicado no Brasil entre 1981 e 1987 [capa 1] e entre 1988 e 1998 [capa 2] pela editora Ática, dentro da coleção Vaga-Lume. Publicado originalmente em 1981. Ilustrado por Jayme Leão.

Sinopse: Um caso de assassinato. Quem acreditaria no simples camareiro daquele hotel de luxo? Contra ele, há o depoimento de um hóspede poderoso. Para provar inocência, Leo conta com a ajuda de Gino e Ângela. Mas o trio conseguirá resolver o mistério do cinco estrelas? Esta é a primeira aventura dos três detetives de Marcos Rey, que se transformaram no maior sucesso de nossa recente literatura para jovens. [fonte: contracapa da edição publicada em 1997]
orelha, por Edu

Eu sei que vocês todos são vidrados como eu em histórias policiais. Pois esta é uma das boas. O menino aí embaixo é o Léo. Ele está trabalhando numa boa como mensageiro num hotel. Por que será que ele olha tão desconfiado para aquele velhinho bonachão? Nooossa! Parece que ele se meteu numa fria! Aquele isqueiro deve ter alguma coisa errada e... Xiiiiiii! Qual é a daquele cara com o revólver na mão? Ei, seus bandidos! Vamos parar de pegar no pé de gente fina como o Léo? Não estão vendo que ele agora está numa ótima com sua garota? Esses quadrinhos são para mostrar que nesta história não vai faltar aventuras e suspense. Você não vai conseguir largar este livro antes de acabá-lo. Vamos nessa? [fonte: orelha do livro da edição publicada em 1984]

Capa 2 (1988-1998)
Um estranho com cara de índio é assassinado no luxuoso hotel em que Leo trabalha. O rapaz suspeita do Barão, um hóspede habitual do cinco estrelas. Acontece que, depois do crime, Leo é despedido. Claro que não podia se tratar de mera coincidência... Com o amigo Gino e a namorada Ângela, Leo resolve investigar os fatos. É preciso seguir as pistas e encontrar o criminoso para que ele possa recuperar o emprego. Em O mistério do cinco estrelas, Marcos Rey cria o trio de detetives que aparecerá também em outras de suas histórias, fazendo o maior sucesso. Acompanhe este caso de Leo, Gino e Ângela. Você não vai conseguir parar antes do final. [fonte: prefácio, “Um trio que já deu muito o que falar...”, da edição publicada em 1997]

Os jovens detetives Leo, Ângela e Gino protagonizam quatro livros escritos por Marcos Rey: O mistério do Cinco Estrelas (1981), O rapto do Garoto de Ouro (1982), Um cadáver ouve rádio (1983) e Um rosto no computador (1993).
contracapa (1988-1998)

O livro é dividido em 27 capítulos: (1) O 222, (2) Guima, sabe o que eu vi?, (3) Um velório sem cadáver, (4) Um mergulho nos porões do hotel, (5) O cadáver desaparece mais uma vez, (6) O primeiro dia de um desempregado, (7) Um cadáver boia no rio, (8) As coisas ficam pretas, (9) A história aconteceu assim, (10) Escondido na casa de Tia Zula, (11) A lista, (12) O nome que restou na lista, (13) Os fabricantes de marmelada, (14) Alguém esteve no apartamento de Guima, (15) Guima e Hans na delegacia, (16) No estranho Hotel Acapulco, (17) A notícia que não saiu publicada, (18) A jovem loura do Corcel marrom, (19) Pânico na represa, (20) Para onde?, (21) A fuga sensacional do apartamento, (22) O quebra-cabeça, (23) Uma reunião muito importante, (24) Dentro da casa da represa, (25) Mais roupa suja para lava, (26) Um agradável chá das cinco, (27) Um final muito, muito feliz.

Conheça outras capas desse título, autor, editora, coleção/série ou capista nos marcadores abaixo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário