Novas capas da série Vaga-Lume, da Editora Ática


Em comemoração aos 50 anos da editora Ática, em agosto de 2015 foi relançado nas livrarias 10 títulos da famosa série Vaga-Lume. Com um novo projeto gráfico, as capas dos dez livros escolhidos foram reformuladas por Marcelo Martinez, que utilizou as mesmas ilustrações clássicas das capas com uma tipografia e um efeito visual mais moderno. Até mesmo o mascote da série, o vaga-lume Luminoso, passou por uma tremenda transformação. 

Lançada a partir de 1973, e alcançando enorme sucesso de vendas nas décadas de 1980 e 1990, a série Vaga-Lume estimulou o hábito de leitura em muitos adultos da atualidade, apresentando ao leitor histórias emocionantes, cheias de ação, aventura e suspense. Passaram pela coleção 104 títulos de diferentes escritores/escritoras, muitos deles estreando na literatura na série e depois estabelecendo consagradas carreiras literárias no Brasil, dedicadas principalmente ao público jovem. O último livro inédito publicado na coleção foi O mestre dos games, de Afonso Machado, em 2008.

Os dez livros escolhidos para integrar esse novo projeto gráfico foram: A ilha perdida (de Maria José Dupré), O escaravelho do diabo (de Lúcia Machado de Almeida), Tonico (de José Rezende Filho), Spharion (de Lúcia Machado de Almeida), O feijão e o sonho (de Orígenes Lessa), Os barcos de papel (de José Maviael Monteiro), Açúcar amargo (de Luiz Puntel), A Turma da Rua Quinze (de Marçal Aquino), A aldeia sagrada (de Francisco Marins) e Deu a louca no tempo (de Marcelo Duarte). Esperamos que os editores se animem e tragam os outros títulos da série que estão no catálogo da editora nesse novo layout e que novos leitores sejam alcançados por essa nostálgica série. E quem sabe, a animação seja ainda maior e novos títulos inéditos apareçam! Estamos na torcida.

Nota: Existe uma postagem (ainda em construção) no Capas de Livros Brasil trazendo as capas clássicas da coleção nas décadas de 1970/1980/1990 que podem ser conferidas nesse link. Logo logo estarei postando uma outra postagem com o layout da década de 2000. Aguardem!




A ilha perdida
Maria José Dupré
ilustração da capa de
Edmundo Rodrigues
O escaravelho do diabo
Lúcia Machado de Almeida
ilustração da capa de
Mario Cafiero
Tonico
José Rezende Filho
ilustração da capa de
Iranildo Alves

Spharion
Lúcia Machado de Almeida
ilustração da capa de
Mario Cafiero
O feijão e o sonho
Orígenes Lessa
ilustração da capa de
Daisy Startari
Os barcos de papel
José Maviael Monteiro
ilustração da capa de
Iranildo Alves

Açúcar amargo
Luiz Puntel
ilustração da capa de
Jô Fevereiro
A Turma da Rua Quinze
Marçal Aquino
ilustração da capa de
Jayme Leão
A aldeia sagrada
Francisco Marins
ilustração da capa de
N. A. Reis

Deu a louca no tempo
Marcelo Duarte
ilustração da capa de
Alcy Linares

Nenhum comentário:

Postar um comentário