Capas dos livros da série Tres Navarre, de Rick Riordan [+ Cold Springs]


Tudo no Texas é maior ... até mesmo assassinato.

Tres Navarre é uma série de sete livros de mistério e suspense do escritor americano Rick Riordan (1964-), direcionados para o público adulto.

Rick Riordan é conhecido mundialmente por seus livros para o público juvenil, em que traz personagens de mitologias antigas vivendo em nossos dias atuais. É dele as bem sucedidas séries Percy Jackson & Os Olimpianos (mitologia grega), As crônicas dos Kane (mitologia egípcia), Os heróis do Olimpo (mitologia romana) e atualmente Magnus Chase e os deuses de Asgard (mitologia nórdica). Mas oito anos antes de lançar o primeiro livro da saga de Percy Jackson (O ladrão de raios foi lançado em junho de 2005), Rick Riordan publicou seu primeiro livro, Big red tequila (lançado em junho de 1997), um livro de mistério para o público adulto.

O livro narra a história de Jackson Navarre, cujo apelido é Tres, que volta a sua cidade natal dez anos após o assassinato de seu pai para descobrir a verdade sobre o que aconteceu. O livro, premiado nos Estados Unidos, foi o primeiro de uma série de sete livros que voltariam a trazer o problemático detetive envolvido em muitas outras confusões. O último volume da série, Rebel island, foi lançado em agosto de 2007, época que Riordan já era conhecido por sua série Percy Jackson.

Dos sete livros, apenas os dois primeiros foram lançados no Brasil pela editora Record. Os sete livros da série são: Big red tequila (no Brasil: Tequila vermelha, lançado originalmente nos Estados Unidos em junho de 1997), The widower's two-step (no Brasil: A dança do viúvo, lançado originalmente em maio de 1998), The last king of Texas (janeiro de 2000), The devil went down to Austin (junho de 2001), Southtown (abril de 2004), Mission road (junho de 2005) e Rebel island (agosto de 2007).

Além da série Tres Navarre, Riordan escreveu outro romance de mistério para o público adulto: Cold Springs, que foi publicado em maio de 2003. Esse também foi lançado no Brasil pela editora Record, com o subtítulo Vingança e redenção no Texas.

Capas dos livros da Coleção 100 Repostas, da revista Mundo Estranho


A Coleção 100 Respostas é uma série de 12 livros de curiosidades publicados pela editora Abril entre junho de 2004 e setembro de 2005. 

A coleção foi idealizada pela equipe da revista Mundo Estranho, uma revista brasileira de curiosidades que surgiu em agosto de 2011 como um número especial de outra revista, a Superinteressante. A revista Superinteressante publica, desde o seu primeiro número em setembro de 1987, uma seção chamada Superintrigante (que teve o nome mudado para Superrespostas), onde responde perguntas (de cunho científico, que é o foco da revista) geralmente enviadas pelos leitores. A revista Mundo Estranho surgiu quando a equipe da Superinteressante decidiu lançar um número especial da mesma compilando as melhores perguntas respondidas da seção Superintrigante. O sucesso foi enorme, com a edição esgotando rapidamente nas bancas de revistas. Com o sucesso, foi lançado um novo número do especial Mundo Estranho em dezembro de 2011 e em abril de 2002. O número quatro saiu junho de 2002, sob o comando de José Augusto Lemos, passando a partir daí a ser publicada mensalmente, alcançando quando sucesso até dos dias de hoje.

A equipe da revista Mundo Estranho, comandada na época por Fabio Volpe (que substitui José Augusto Lemos a partir de abril de 2003 e deixou a revista em abril de 2009), perceberam que as revistas mensais não conseguiam explorar a fundo as curiosidades que um único tema conseguia apresentar. Com isso em mente, eles decidiram criar, em formato de livro, a Coleção 100 Respostas, cujo objetivo era trazer curiosidades sobre um único assunto de grande interesse popular. O primeiro número trouxe a temática Harry Potter. Os outros 11 títulos/temas da coleção são: Super-heróis, Grécia Antiga, Rock, O Senhor dos Anéis, O Código Da Vinci, Hanna-Barbera, Alexandre o Grande, Sexo, Star Wars, Batman e Séries de TV.

Capas dos livros da série Encantadas, de Sarah Pinborough


Para os fãs de "Once upon a time" e "Grimm", 
Saga Encantadas é a prova de que contos de fadas são para adultos! 

A Saga Encantadas (Tales from the Kingdoms) é uma série de três livros da escritora inglesa Sarah Pinborough (1972-), que recria para o público adulto os contos de fadas Branca de Neve, Cinderela e A Bela Adormecida, dos irmãos alemães Jacob e Wilhelm. Eles são classificados como romances eróticos, e na contracapa do primeiro volume é descrito como "sexy, sarcásticos e de prender a respiração!"

Conforme descrito nas contracapas dos volumes da série, "Sarah Pinborough coloca os contos de fadas de ponta-cabeça e narra histórias surpreendentes que a Disney jamais ousaria contar. Com um realismo cínico e cenas fortes, o leitor será levado a questionar, finalmente, quem são os mocinhos e quem são os vilões dos livros de fantasia! (...) Recria as personagens mais famosas dos irmãos Grimm com personalidade forte, uma queda por aventuras e, eventualmente, uma sina por encrencas. Princesas, rainhas, reis, caçadores e criaturas da floresta: não acredite na inocência de nenhum deles! (...) Esqueça os clichês tradicionais e se entregue a uma nova visão dos contos de fadas, em que heróis e anti-heróis precisam se unir para não perecerem à beleza superficial de princesas e rainhas egocêntricas e aos príncipes em busca de aventuras."

Os três volumes que compõe a trilogia são: Poison (Veneno, publicado na Inglaterra em abril de 2013), Charm (Feitiço, publicado na Inglaterra em julho de 2013) e Beauty (Poder, publicado na Inglaterra em outubro de 2013). No Brasil, os livros foram publicados pela Única Editora (selo da Editora Gente) em outubro de 2013, dezembro de 2013 e março de 2014. A tradução dos três livros foi realizada por Edmundo Barreiros, com capas criadas por Eduardo Camargo.

Capas dos livros da série Diário de um banana, de Jeff Kinney


Diário de um banana (Diary of a wimpy kid) é uma série de livros infantis do escritor, designer de jogos e ilustrador americano Jeff Kinney (1971-). Publicada desde 2007, a série conta atualmente com 9 livros lançados.

Com o subtítulo de "um romance em quadrinhos", a série narra em formato de diário o dia a dia de Greg Heffley, um garoto comum de 13 anos,  enfrentando divertidamente os desafios da puberdade. Greg escreve em seu diário, com engraçadíssimos desenhos para explicar e reforçar o que escreveu, o seu relacionamento com sua família, com seus colegas de escola e professores, com seu melhor amigo (Rowley Jefferson), suas tentativas nem sempre bem sucedidas com as garotas, além de fatos típicos (ou não tão típicos assim) na vida de um garoto.

O primeiro esboço de Greg Heffley foi criado por Jeff Kinney em janeiro de 1998. Com o passar dos anos, Kinney foi criando vários esboços e histórias envolvendo o personagem. Quando ele resolveu reunir todas as histórias criadas em um mesmo volume resultou em 1300 páginas. Em 2004, Kinney disponibilizou todo esse material no site funbrain.com. Em 2007, a editora Amulet Books publicou Diário de um banana no formato de livro, utilizando parte do material disponível (na realidade, menos de 10%). Os três primeiros livros é formato com o material do site, com alguns trechos inéditos, mas a partir do quarto volume, Jeff Kinney começou a produzir textos e ilustrações inéditos. Os livros da série Diário de um banana são best-sellers internacionais, tendo sido traduzido para mais de 40 idiomas.

Os livros que compõe a série são: Diário de um banana (Diary of a wimpy kid, abril de 2007), Rodrick é o cara (Rodrick rules, fevereiro de 2008), A gota d'água (The last straw, janeiro de 2009), Dias de cão (Dog days, outubro de 2009), A verdade nua e crua (The ugly truth, novembro de 2010), Casa dos horrores (Cabin fever, novembro de 2011), Segurando vela (The third wheel, novembro de 2012), Maré de azar (Hard luck, novembro de 2013) e Caindo na estrada (The long haul, novembro de 2014), Bons tempos (Old school, novembro de 2015). Todas as ilustrações, inclusive da capa, são de autoria do próprio Jeff Kinney. O layout da capa (título e moldura) é criação de Chad W. Beckerman.

O primeiro, segundo e quarto livros foram adaptados para o cinema: Diário de um banana - O filme (março de 2010, Diary of a wimpy kid), Diário de um banana 2: Rodrick é o cara (março de 2011, Diary of a wimpy kid: Rodrick rules) e Diário de um banana 3: Dias de cão (agosto de 2012, Diary of a wimpy kid: Dog days).


No Brasil, os livros são publicados, desde abril de 2009, pela V&R (Vergara & Riba), editora argentina fundada em 1996 por Trini Vergara e Lidia María Riba. Em 1998, a editora abriu uma filial no Brasil (na cidade de Cotia, estado de São Paulo) passando a publicar os títulos de seu catálogo no país. Os cinco primeiros títulos foram traduzidos por Antonio Macedo Soares (creditado também como Antonio de Macedo), enquanto que a partir do volume 6 (Casa dos horrores) a tradução passou a ser realizada por Alexandre Boide.