As capas clássicas dos livros da Série Vaga-Lume, da Editora Ática (décadas de 1970/1980/1990)

[EM CONSTRUÇÃO]


No final do ano de 1972, José Adolfo Granville Ponce, na época editor da coleção Ensaios, propôs ao proprietário da editora Ática, Anderson Fernando Dias, a ideia de criar uma coleção para o público jovem, visando o aproveitamento dos livros para a leitura nas escolas, numa proposta paradidática. Surgia assim, com a direção de Jiro Tahahashi, a consagrada Série Vaga-Lume. A proposta da série, conforme descrita, em algumas das contracapas dos livros era: "Para despertar e criar o gosto pela leitura. Histórias emocionantes, cheias de ação, uma linguagem simples e direta. Fartamente ilustradas. Todos os títulos com um Suplemento de Trabalho especial."

Os dois primeiros livros, A ilha perdida e Cabras das Rocas, foram publicados no começo de 1973. No mesmo ano, dois outros livros que haviam sidos publicados no ano anterior na Série Bom Livro, passaram a integrar o catálogo da coleção: Coração de Onça e Éramos seis. Do primeiro livro publicado em 1973 até o último título inédito lançado em 2008, O mestre dos games (de Afonso Machado), foram 104 títulos de muita emoção, ação, aventura e suspense! E quem foi estudante na década de 1980 e 1990 sabe o que essa coleção significou. Basta olhar o tanto de artigos saudosistas que existe na web. Ela foi o estopim para muitos leitores inveterados, hoje com seus trinta/quarenta/cinquenta anos. Pois é, a série está a mais de 40 anos no mercado editorial brasileiro!

Apesar de ser publicada até os dias atuais, muito dos livros que passaram pela coleção já saíram de seu catálogo. Em uma visita no site da editora, em maio de 2014, foi constatado 68 dos 104 títulos publicados. Ah, e por volta de 1999, a Vaga-Lume ganhou um irmãozinho: a Série Vaga-Lume Júnior, direcionada para um público mais infantil do que os leitores adolescentes da Vaga-Lume. Essa nova série conta com mais de 20 títulos no catálogo, inclusive dois que pertenceram a série Vaga-Lume durante muitos anos: A ilha perdida e Na mira do vampiro.

Foi por volta dessa época também que a Vaga-Lume começou a mudar o layout de suas capas para um estilo mais atual. As ilustrações da capa continuaram as mesmas, mas o título do livro, do autor (a), da editora, da coleção e o contorno em volta da ilustração tentou passar um visual mais clean, mais moderno, com cores mais vibrantes. Ambos os layout são criações de Ary Almeida Normanha. Nessa postagem do Capas de Livros Brasil, ficaremos somente com as capas clássicas, aquelas da década de 1970/1980/1990. Por conta disso, os livros publicados na coleção após 1996 não poderão ser vistos aqui. Numa postagem posterior, mostraremos as capas dessa época (final da década de 1990 e década de 2000) e aí esses livros serão incluídos. No final da postagem, mencionarei os títulos que ficaram de fora. Então, apreciemos...




A ilha perdida
Maria José Dupré
1973

capa e ilustrações de
Edmundo Rodrigues
COMPRE
Cabra das Rocas
Homero Homem
1973

capa e ilustrações de
Edmundo Rodrigues
COMPRE
Coração de Onça
Ofélia e Narbal Fontes
1973

capa e ilustrações de
Milton Rodrigues Alves
COMPRE

















Éramos seis
Maria José Dupré
1973

capa e ilustrações de
Terezinha Bissoto
COMPRE
O escaravelho do diabo
Lúcia Machado de Almeida
1974

capa e ilustrações de
Sérgio Cáfaro Furlani
COMPRE
O gigante de botas
Ofélia e Narbal Fontes
1974

capa e ilustrações de
Milton Rodrigues Alves
COMPRE

















O caso da borboleta Atíria
Lúcia Machado de Almeida
1975

capa e ilustrações de
Milton Rodrigues Alves
COMPRE
Cem noites tapuias
Ofélia e Narbal Fontes
1976

capa e ilustrações de
Jandira Lorenz
COMPRE
Menino de asas
Homero Homem
1977

capa e ilustrações de
Jayme Leão
COMPRE



















Tonico
José Rezende Filho
1978
capa e ilustrações de
Iranildo Alves
COMPRE
Spharion
Lúcia Machado de Almeida
1979

capa e ilustrações de
Mario Cafiero
COMPRE
A Serra dos Dois Meninos
Aristides Fraga Lima
1980

capa e ilustrações de
Paulo César Pereira
COMPRE















O mistério do cinco estrelas
Marcos Rey
1981

capa e ilustrações de
Jayme Leão
COMPRE
Zezinho, o dono da porquinha preta
Jair Vitória
1981

capa e ilustrações de
Cirton Genaro
COMPRE
O feijão e o sonho
Orígenes Lessa
1981

capa e ilustrações de
Fernando Lopes
COMPRE














Aventuras de Xisto
Lúcia Machado de Almeida
1982

capa e ilustrações de
Mario Cafiero
COMPRE
O rapto do garoto de ouro
Marcos Rey
1982

capa e ilustrações de
Jayme Leão
COMPRE
Xisto no espaço
Lúcia Machado de Almeida
1982

capa e ilustrações de
Mario Cafiero
COMPRE















O escaravelho do diabo
Lúcia Machado de Almeida
1982 (nova capa)

capa e ilustrações de
Mario Cafiero
COMPRE
Tonico e Carniça
José Rezende Filho e Assis Brasil
1982

capa e ilustrações de
Iranildo Alves
COMPRE
Um cadáver ouve rádio
Marcos Rey
1983

capa e ilustrações de
Jayme Leão
COMPRE


















Xisto e o pássaro cósmico
Lúcia Machado de Almeida
1983

capa e ilustrações de
Mario Cafiero
COMPRE
A primeira reportagem
Sylvio Pereira
1983

capa e ilustrações de
Roberto Negreiros
COMPRE
Sozinha no mundo
Marcos Rey
1984

capa e ilustrações de
Marcus de Sant'Anna
COMPRE



















Os pequenos jangadeiros
Aristides Fraga Lima
1984

capa e ilustrações de
Rhadamés de Sant'Anna
COMPRE
Os barcos de papel
José Maviael Monteiro
1984

capa e ilustrações de
Iranildo Alves
COMPRE
Deus me livre!
Luiz Puntel
1984

capa e ilustrações de
Milton Rodrigues Alves
COMPRE


O mistério dos Morros Dourados
Francisco Marins
1985

capa e ilustrações de
Jayme Cortez
COMPRE
Dinheiro do céu
Marcos Rey
1985

capa e ilustrações de
Marcus de Sant'Anna
COMPRE
Perigos no mar
Aristides Fraga Lima
1985

capa e ilustrações de
Adelfo Suzuki
COMPRE


A grande fuga
Sylvio Pereira
1985
capa e ilustrações de 
Milton Rodrigues Alves
COMPRE
O feijão e o sonho
Orígenes Lessa
1985 (nova capa)

capa e ilustrações de
Daisy Startari
COMPRE
Bem-vindos ao Rio
Marcos Rey
1986

capa e ilustrações de
Cláudio Rocha e Jô Fevereiro
COMPRE


Pega ladrão
Luiz Galdino
1986
capa e ilustrações de
Paulo César Pereira
COMPRE
Açúcar amargo
Luiz Puntel
1986
capa e ilustrações de
Jô Fevereiro
COMPRE
O outro lado da ilha
José Maviael Monteiro
1986
capa e ilustrações de
Jô Fevereiro
COMPRE



Enigma na televisão
Marcos Rey
1987

capa e ilustrações de
Jô Fevereiro
COMPRE
Os passageiros do futuro
Wilson Rocha
1987
capa e ilustrações de

Milton Rodrigues Alves
COMPRE
Meninos sem pátria
Luiz Puntel
1988
capa e ilustrações de 

Jayme Leão
COMPRE




A montanha das duas cabeças
Francisco Marins
1988
capa e ilustrações de
Jô Fevereiro
COMPRE
O Ninho dos Gaviões
José Maviael Monteiro
1988
capa e ilustrações de 
Jayme Leão
COMPRE
Garra de campeão
Marcos Rey
1988
capa e ilustrações de 
Marcus de Sant'Anna
COMPRE






A vida secreta de Jonas
Luiz Galdino
1989
capa e ilustrações de 
Darlon
COMPRE
Aventura no Império do Sol
Silvia Cintra Franco
1989
capa e ilustrações de 
João Clemente de Oliveira
COMPRE
Quem manda já morreu
Marcos Rey
1989
capa e ilustrações de
Rogério Borges
COMPRE

A Turma da Rua Quinze
Marçal Aquino
1989
capa de Jayme Leão
i. Marcus de Sant'Anna e Wanduir Durant
COMPRE
Na Barreira do Inferno
Silvia Cintra Franco
1990
capa e ilustrações de
Edgard Rodrigues de Souza
COMPRE
Um leão em família
Luiz Puntel
1990
capa e ilustrações de
Cecília Iwashita
COMPRE


Corrida infernal
Marcos Rey
1990
capa e ilustrações de
Dino F. Alves
COMPRE
Na mira do vampiro
Lopes dos Santos
1990
capa e ilustrações de
Fábio André
COMPRE
A árvore que dava dinheiro
Domingos Pellegrini
1991
capa e ilustrações de
Verônica Nakazone
COMPRE

A maldição do tesouro do Faraó
Sérsi Bardari
1991
capa e ilustrações de
Daniel Munhoz (Muñoz)
COMPRE
O desafio do Pantanal
Silvia Cintra Franco
1991
capa e ilustrações de
Cecília Iwashita
COMPRE
Na rota do perigo
Marcos Rey
1991
capa e ilustrações de
Daniel Munhoz (Muñoz)
COMPRE

Ameaça nas trilhas do tarô
Sérsi Bardari
1992
capa e ilustrações de
Edilson Bilau e Salatiel Holanda
COMPRE
O jogo do Camaleão
Marçal Aquino
1992
capa e ilustrações de
Verônica Nakazone
COMPRE
Tráfico de anjos
Luiz Puntel
1992
capa e ilustrações de
Natália Forcat
COMPRE

Um rosto no computador
Marcos Rey
1992
capa e ilustrações de
Jayme Leão
COMPRE
O fantasma de Tio William
Rubens Francisco Lucchetti
1992
capa e ilustrações de
Daniel Munhoz
COMPRE
Confusões & calafrios
Silvia Cintra Franco
1992
capa e ilustrações de
Edilson Bilau
COMPRE

Um gnomo na minha horta
Wilson Rocha
1993
capa e ilustrações de
Lucia Brandão
COMPRE
Office-boy em apuros
Bosco Brasil
1993
capa e ilustrações de
Edgard Rodrigues de Souza
COMPRE
Doze horas de terror
Marcos Rey
1993
capa e ilustrações de
Daniel Munhoz
COMPRE

O segredo dos sinais mágicos
Sérsi Bardari
1993
capa e ilustrações de
Edgard Rodrigues de Souza
COMPRE
A aldeia sagrada
Francisco Marins
1993
capa de Nelson Reis
ilustrações de Oswaldo Storni
COMPRE
O mistério da cidade-fantasma
Marçal Aquino
1994
capa e ilustrações de
Daniel Munhoz
COMPRE

Agitação à beira-mar
Leusa Araújo
1994
capa e ilustrações de
Nelson Reis
COMPRE
O brinquedo misterioso
Luiz Galdino
1994
capa e ilustrações de
Edilson Bilau
COMPRE
Um inimigo em cada esquina
Raul Drewnick
1994
capa e ilustrações de
Daniel Munhoz
COMPRE

O diabo no porta-malas
Marcos Rey
1995
capa e ilustrações de
Getúlio Delfim
COMPRE
O fabricante de terremotos
Wilson Rocha
1995
capa e ilustrações de
Julio Shimamoto
COMPRE
Viagem pelo ombro da minha jaqueta
Lô Galasso
1995
capa e ilustrações de
Flávio Colin
COMPRE

Em busca do diamante
Francisco Marins
1995
capa e ilustrações de
Nelson Reis
COMPRE
A vingança da cobra
Marcos Bagno
1995
capa e ilustrações de
Rogério Soud
COMPRE
Vencer ou vencer
Raul Drewnick
1995
capa e ilustrações de
Nelson Reis
COMPRE

O primeiro amor e outros perigos
Marçal Aquino
1996
capa e ilustrações de
Marcelo Martins
COMPRE
O super tênis
Ivan Jaf
1996
capa e ilustrações de
Alcy Linares
COMPRE
A charada do sol e da chuva
Luiz Galdino
1996
capa e ilustrações de
César Lobo
COMPRE

Terror na festa
Janaína Amado
1996
capa e ilustrações de
Célia Kofuji
COMPRE
Gincana da morte
Marcos Rey
1997
capa e ilustrações de
Célia Kofuji
COMPRE
Jogo sujo
Marcelo Duarte
1997
capa e ilustrações de
Rogério Soud
COMPRE









































































































































































































































































































































































































































O clássico layout das capas da coleção Vaga-Lume criado por Ary Normanha Almeida consistia em uma moldura em torno da ilustração com o nome do autor e o título acima dessa moldura. Além disso, durante a década de 1980, as orelhas dos livros consistiam numa história em quadrinho criadas pelo desenhista Edu (Eduardo Carlos Pereira) onde o mascote da série (um vaga-lume chamado Luminoso) contava através de uma conversa informal com o leitor a sinopse da história [pretendo fazer uma postagem futura com algumas dessas orelhas]. A contracapa nesse período reproduzia as capas dos livros que tinham sido lançados até então.

contracapa na década de 1970
contracapa na década de 1980
contracapa na década de 1990








No começo da década de 1990, a editora começou a alterar esse padrão clássico de editoração, abandonando a sinopse dos livros no formato de histórias em quadrinhos. Com isso, a contracapa passou a trazer a sinopse do livro num fundo amarelo (mencionando também outros livros do mesmo autor na coleção). Com isso, abandonou-se também a propaganda que se fazia dos outros livros da coleção na contracapa. Com essas mudanças, a editora relançou seus títulos antigos no novo formato, alterando a moldura da capa de alguns para cores de tons neutros (marrom ou preto, em sua maioria). Abaixo pode-se ver algumas das capas de lançamentos anteriores a esse período que tiveram sua capa alterada nos relançamentos ocorridos entre 1990 e 1993.


A ilha perdida 
Cabra das Rocas
Coração de Onça

Éramos seis
O caso da borboleta Atíria
Cem noites tapuias

Menino de asas
Tonico
Spharion

3 comentários:

  1. Você sabe quantas capas diferentes, ao longos da edições, as obras "Éramos Seis" e "A ilha perdida", de Maria José Dupré Tiveram?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite, Josineia. Pela Série Vaga-Lume A ilha perdida teve 5 layouts diferentes de capa, utilizando a mesma ilustração de Edmundo Rodrigues (e mais um layout durante o período em que o livro esteve no catálogo da Série Vaga-Lume Júnior). Já Éramos seis teve 4 layouts diferentes, utilizando a ilustração de Terezinha Bissoto.

      Excluir
    2. Estou fazendo um trabalho de dissertação sobre esse assunto, você poderia contribuir muito.Por favor, deixo o meu contato para que entre em contato: josineialis@gmail.com

      Obrigada.

      Aguardo

      Excluir