Histórias de Tia Nastácia (Monteiro Lobato)

Capa criada por Jacob Levitinas (layout) e Manoel Victor Filho (ilustração) para o livro Histórias de Tia Nastácia, do escritor brasileiro Monteiro Lobato (1882-1948), publicado no Brasil entre 1984 e 1986 e posteriormente entre 1991 e 2005 pela editora Brasiliense, dentro da coleção Sítio do Picapau Amarelo. Publicado originalmente em 1937. Ilustrado por Manoel Victor Filho.

Sinopse: Folclore são coisas que o povo sabe por boca, de um contar para o outro, de pais a filhos – contos, histórias, anedotas, superstições, sabedoria popular... Quem, então, melhor que Tia Nastácia para desfiar as histórias do nosso folclore? [fonte: contracapa do livro]

As 43 histórias folclóricas que compõe essa edição são: O bicho Manjaléu; O Sargento Verde; A princesa ladrona; O pássaro preto; A raposinha; O homem pequeno; A moura-torta; A madrasta; Manuel da Bengala; João e Maria; O bom diabo; A fonte das Três Comadres; A rainha que saiu do mar; A formiga e a neve; João Esperto; O caçula; A cumbuca de ouro; A mulher dengosa; O cágado na festa do céu; O rabo do macaco; O macaco e o coelho; O macaco e o aluá; O macaco, a onça e o veado; O veado e o sapo; A onça e o coelho; O pulo do gato; O doutor Botelho; A raposa e o homem; O pinto sura; O jabuti e o homem; O jabuti e a caipora; O jabuti e a onça; O jabuti e a fruta; O jabuti e o lagarto; O jabuti e o jacaré; O jabuti e os sapinhos; A raposa faminta; O camponês ingênuo; A história dos macacos; O rato orgulhoso; Peixes na floresta; O alcatraz e o eider; História dos dois ladrões.

Adaptações para televisão: Sítio do Picapau Amarelo (1952-1962, série, TV Tupi), Sítio do Picapau Amarelo (1964, série, TV Cultura), Sítio do Picapau Amarelo (1967-1969, série, TV Bandeirantes), Sítio do Picapau Amarelo (1977-1986, série, TV Globo), Sítio do Picapau Amarelo (2001-2007, série, TV Globo) e Sítio do Picapau Amarelo (2012-2014, série animada, TV Globo).

Conheça outras capas desse título, autor, editora, coleção/série ou capista nos marcadores abaixo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário