ANTOINE DE SAINT-EXUPÉRY


Editora: Itatiaia
Período de Publicação: 1958
Arte da Capa: -

Para visualizar capas de outras edições brasileiras desse livro, clique AQUI.

Muitas e sucessivas têm sido as edições das obras de Exupéry no Brasil, tal a sua aceitação por parte de nosso público leitor. Realmente, não há quem, acostumado a voltar a atenção para a literatura, não tenha ouvido falar do escritor-piloto e quase todo inundo, que se dedique à leitura, já percorreu as páginas de “Pequeno Príncipe”, de “Terra dos Homens”, etc. Todavia, poucos sabem sintonizar no tempo a figura que foi Saint-Exupéry, poucos têm notícia das tramas que envolveram sua vida, e sobretudo, da leitura sem maiores compromissos e responsabilidades que a maioria faz de seus livros, sempre escapa o essencial de sua filosofia: a maneira de encarar o Homem, a morte, a ação, coisas que vêm incorporar-se ao acervo de nossos conhecimentos como lições definitivas sobre a vida. Outra não foi a intenção de Jean-Claude Ibert, se não a de levar ao leitor a realidade da vida e da obra de Saint-Exupéry, no qual ambas surgem de maneira tão entrosadas, que evidente se torna a perfeita identidade do autor com personagens e fatos, criador e criaturas.

Edição Original: Antoine de Saint-Exupéry, 1953, França, Editora Éditions Universitaires.

Nenhum comentário:

Postar um comentário